Trajes portugueses

No blogue Turma do CRA La Raya (Badajoz) temos o texto e os desenhos que vêem a seguir. Com estos desenhos podem-se fazer montes de actividades: além de os colorir, podem-se trabalhar as roupas, as partes do corpo, as cores… Só que também acrescentamos conteúdos sócio-culturais.

“As pessoas vestem-se de maneiras diferentes, conforme a região onde vivem, o trabalho que exercem e ainda segundo os costumes dos antepassados.

 

No Norte de Portugal, a condizer com a beleza e a variedade da paisagem, os trajes das mulheres são alegres e coloridos. No Minho e no Douro Litoral usam lenços garridos, blusas multicores e saias rodadas. Em dias de festa, vistosos brincos e cordões de ouro enfeitam os corpos esbeltos das camponesas.

 

No Sul, especialmente no Alentejo, à monotonia da paisagem correspondem as cores escuras e tristes dos trajos populares. Enquanto que os camponeses do Norte usam no Verão, chapéus de palha brancos e leves, os trabalhadores do Sul, mesmo no maior calor, não largam os pesados e quentes chapéus de pano.

 

A lavradeira do Minho, a varina do litoral beirão, a tricana de Coimbra, o pescador da Nazaré; o pastor da serra da Estrela e o trabalhador do Alentejo constituem, entre muitos outros, exemplos típicos dos trajes populares portugueses.”

ÇORES ALGARVE TRAS-OS-MONTES

ALTO ALENTEJO BAIXO ALENTEJO BEIRA BAIXA

MADEIRA DOURO LITORAL ESTREMADURA
MINHO RIBATEJO

Uma resposta

  1. está giro .. por acaso está bem desenvolvido mas podia estar melhor.. se calhar coisas que xamem a atenção..

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: